Publicação
A produção de celulose registrou crescimento de 3,0% no primeiro trimestre de 2017, totalizando 4,69 milhões de toneladas contra os 4,55 milhões de toneladas anotados no mesmo período do ano passado. No setor de papel, o saldo positivo continua com as exportações que atingiram um volume de 544 mil toneladas comercializadas entre janeiro e março, alta de 5,6% em relação ao mesmo período de 2016, quando foram negociadas 515 mil toneladas. E no segmento de painéis de madeira as vendas domésticas subiram 2,9% alcançando a marca de 1,6 milhão de metros cúbicos.

Confira a seguir os demais indicadores de desempenho do setor de árvores plantadas, na 35ª edição do Cenários Ibá, boletim mensal da Indústria Brasileira de Árvores.

Volume de exportações – No primeiro trimestre de 2017, o volume de exportações de celulose alcançou 3,3 milhões de toneladas, crescimento de 5,5% em relação ao mesmo período de 2016, quando foram exportadas 3,1 milhões de toneladas.  O segmento de painéis de madeira registrou exportações de 174 mil metros cúbicos (-10,8%).

Receita de exportações – De janeiro a março de 2017, o setor registrou exportações no valor de US$ 1,9 bilhão (-2,6%); a celulose alcançou US$ 1,4 bilhão (-4,3%), o papel US$ 464 milhões (-0,2%) e os painéis de madeira US$ 64 milhões (+25,5%). Como resultado a balança comercial do setor registrou um saldo positivo de US$ 1,7 bilhão nos três primeiros meses do ano (-0,9%).

Destino das Exportações – A China continua sendo o principal destino do setor de celulose brasileiro com 44% de participação. No primeiro trimestre o país oriental cresceu sua receita em 21,6% (US$ 620 milhões) na comparação com o mesmo período do ano passado. Já os países latino-americanos mantiveram a posição de maiores mercados dos segmentos de papel e painéis de madeira no período, cujas receitas de exportações aumentaram 17,5% (US$ 295 milhões) e 25% (US$ 35 milhões), respectivamente.

Produção – A produção brasileira de celulose superou as 4,6 milhões de toneladas (+3,0%) entre janeiro e março de 2017; e a de papel registrou 2,5 milhões de toneladas (-2,2%).

Vendas Domésticas – No primeiro trimestre de 2017, as vendas de papel no mercado interno alcançaram 1,3 milhão de toneladas (-3,0%); enquanto o segmento de painéis de madeira registrou 1,6 milhão de m³ negociados (+2,9%).

Fonte: Ibá

 

Esta publicação fala sobre
Para procurar por publicações similares, clique
nos temas acima ou nos textos listados ao lado.
Você também pode realizar uma pesquisa
no campo superior desta página.
Você pode ainda publicar seu comentário logo abaixo, assim como mandar sua sugestão por e-mail.


Participe, deixe abaixo os seus comentários.

Ajax Indicator
Ajax Indicator

Institucional

Conheça aqui a rede de comunicação da Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel.

Contato

A ABTCP espera sua mensagem, seja para anunciar, enviar sugestões ou tirar dúvidas sobre nossas publicações.

O Papel | ABTCP | Todos os direitos reservados 2009