CRESCE A PRODUÇÃO DE PELLETS NO BRASIL

Publicação
A recessão dos últimos dois anos, que derrubou a economia brasileira,
não chegou para o mercado de pellets de madeira. A produção
de pellets quase triplicou no Brasil nos últimos três anos, e empresas
de grande porte começam a operar no mercado internacional.
A demanda mundial por pellets tem crescido exponencialmente,
pois os pellets são menos poluentes que os derivados do petróleo
e têm sido utilizados por países que precisam reduzir suas emissões
de gases do efeito estufa, para, assim, atender os acordos firmados
na Conferência do Clima (COP21), que ocorreu na França, em 2015.

Por Dorival Pinheiro Garcia
Pesquisador e consultor da área de biomassa para energia/pellets de
madeira e professor do curso de Engenharia Florestal das Faculdades FAIT (Itapeva-SP)
E-mail: pelletsdemadeira@gmail.com
Anexos

Clique aqui para fazer o download da Nota Técnica

PDF | 869 Kb

 

Para procurar por publicações similares, clique
nos temas acima ou nos textos listados ao lado.
Você também pode realizar uma pesquisa
no campo superior desta página.
Você pode ainda publicar seu comentário logo abaixo, assim como mandar sua sugestão por e-mail.


Participe, deixe abaixo os seus comentários.

Ajax Indicator
Ajax Indicator

Institucional

Conheça aqui a rede de comunicação da Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel.

Contato

A ABTCP espera sua mensagem, seja para anunciar, enviar sugestões ou tirar dúvidas sobre nossas publicações.

O Papel | ABTCP | Todos os direitos reservados 2009