NANOCELULOSE VEGETAL NO TRATAMENTO DE QUEIMADURAS

Publicação
A celulose branqueada, produto de maior volume da Indústria de Celulose e Papel, vem se apresentando como
uma solução inovadora para a medicina. Um estudo realizado por Washington Luiz Esteves Magalhães, pesquisador
da Embrapa Florestas, e por Francine Ceccon Claro, doutoranda em Engenharia e Ciência dos Materiais
da Universidade Federal do Paraná (UFPR), mostrou que o polímero natural pode ser bastante eficiente no
tratamento de queimaduras.
Os pesquisadores usaram a nanotecnologia para potencializar propriedades físicas e químicas e desenvolver um curativo voltado
à recuperação da pele queimada. Os resultados mostraram que, por não ter porosidade, a membrana é adequada para
aplicações como barreira. “A característica de translucidez favorece o acompanhamento da cicatrização sem a necessidade de
retirada docurativo para avaliação da ferida”, pontua Francine. “A membrana de celulose vegetal é de fácil aplicação e manuseio
e apresenta durabilidade e boa aderência à pele lesionada”, adiciona Magalhães. Outra vantagem é o custo de produção, que
pode ser até mil vezes menor do que o de curativos disponíveis no mercado atualmente.
Na entrevista a seguir, os pesquisadores revelam como surgiu a ideia de realizar o estudo, dão detalhes técnicos sobre o desenvolvimento
do trabalho e listam os resultados e as vantagens competitivas encontradas, além de traçarem um panorama sobre
os próximos passos a serem concretizados e sobre o potencial da indústria de base florestal no amadurecimento da bioeconomia.
Anexos

Download

PDF | 1290 Kb

 

Caroline Martin
Especial para Revista O Papel
tel. (11) 38742725
Não há temas
Para procurar por publicações similares, clique
nos temas acima ou nos textos listados ao lado.
Você também pode realizar uma pesquisa
no campo superior desta página.
Você pode ainda publicar seu comentário logo abaixo, assim como mandar sua sugestão por e-mail.


Participe, deixe abaixo os seus comentários.

Ajax Indicator
Ajax Indicator

Institucional

Conheça aqui a rede de comunicação da Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel.

Contato

A ABTCP espera sua mensagem, seja para anunciar, enviar sugestões ou tirar dúvidas sobre nossas publicações.

O Papel | ABTCP | Todos os direitos reservados 2009