Publicação
PRESIDENTE DO CONGRESSO ABTCP
2021, JÚLIO CÉSAR TÔRRES RIBEIRO FALA
SOBRE OS TRABALHOS EM ANDAMENTO
PARA ATENDER ÀS DEMANDAS DO SETOR E
SUPERAR OS REFLEXOS DA PANDEMIA

Superados os impactos iniciais
da pandemia do coronavírus,
a indústria de
celulose e papel enfrenta
outra etapa desafiadora
atualmente: lidar com os reflexos ainda
sentidos no dia a dia operacional e no
mercado e, ao mesmo tempo, preparar
a competitividade estrutural dos próximos
anos. “Desde que essa situação
instalou-se no Brasil, o setor agiu proativamente
e se mobilizou em diferentes
frentes. Hoje, apesar de estarmos em
um estágio melhor do que aqueles que
vivemos em 2020, ainda não é o momento
de abaixar a guarda”, avalia Júlio
César Tôrres Ribeiro, diretor industrial
e técnico da Cenibra.
Nomeado presidente do próximo
Congresso ABTCP, Ribeiro revela, na
entrevista a seguir, como a associação
tem trabalho para estar em linha com as
necessidades atuais da indústria de base
fl orestal, detalha quais desdobramentos
devem se desenrolar nos próximos meses
e ressalta como uma atuação conjunta
pode ser benéfi ca a todos os elos da
cadeia produtiva de celulose e papel.
Anexos

PDF | 1195 Kb

 

Caroline Martin
Especial para Revista O Papel
tel. (11) 38742725
Esta publicação fala sobre
Para procurar por publicações similares, clique
nos temas acima ou nos textos listados ao lado.
Você também pode realizar uma pesquisa
no campo superior desta página.
Você pode ainda publicar seu comentário logo abaixo, assim como mandar sua sugestão por e-mail.


Participe, deixe abaixo os seus comentários.

Ajax Indicator
Ajax Indicator

Institucional

Conheça aqui a rede de comunicação da Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel.

Contato

A ABTCP espera sua mensagem, seja para anunciar, enviar sugestões ou tirar dúvidas sobre nossas publicações.

O Papel | ABTCP | Todos os direitos reservados 2009