SUZANO E SPINNOVA® FORMAM JOINT VENTURE

Publicação
Em meio à crise da COVID-19, o mercado global
de têxteis, estimado em US$ 942,8 bilhões
no ano de 2020, terá um crescimento projetado
revisado para US$ 1,1 trilhão, alta de 2,7% até
2027. As fibras naturais deverão registrar um
crescimento de 2,9% e chegar a US$ 454,4 bilhões ao final
desse período, enquanto no segmento de poliéster, o crescimento
previsto é de 2,3%, conforme dados publicados no estudo
da ReportLinkers, empresa de consultoria de mercado.
Mas o que esses números bastante expressivos representam
para o setor de celulose e papel? A resposta está em um novo
e lucrativo negócio – uma fibra têxtil produzida a partir da
celulose microfibrilada (MFC).
Com foco no desenvolvimento de têxteis sustentáveis, a
startup finlandesa Spinnova e a líder mundial de produção de
celulose de fibra curta, a brasileira Suzano, anunciaram no dia
25 de fevereiro último a formação de uma joint venture 50/50
para a produção dessas fibras, com previsão de início para o
quarto trimestre de 2022, passando a atuar com escala comercial
nesse mercado.
Com um investimento inicial de 22 milhões de euros, podendo
chegar aos 50 milhões de euros, abrangendo todas as
infraestruturas necessárias, a unidade de produção estará localizada
em Jyväskylä, na Finlândia, onde também fica o centro
de pesquisa e desenvolvimento da Spinnova e a instalação
piloto. A capacidade inicial de produção não foi informada,
devido à estratégia do negócio
Anexos

PDF | 791 Kb

 

Thais Santi
Jornalista Revista O Papel
tel. (11) 38742726
Esta publicação fala sobre
Para procurar por publicações similares, clique
nos temas acima ou nos textos listados ao lado.
Você também pode realizar uma pesquisa
no campo superior desta página.
Você pode ainda publicar seu comentário logo abaixo, assim como mandar sua sugestão por e-mail.


Participe, deixe abaixo os seus comentários.

Ajax Indicator
Ajax Indicator

Institucional

Conheça aqui a rede de comunicação da Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel.

Contato

A ABTCP espera sua mensagem, seja para anunciar, enviar sugestões ou tirar dúvidas sobre nossas publicações.

O Papel | ABTCP | Todos os direitos reservados 2009