RESÍDUOS LIGNOCELULÓSICOS E A PRODUÇÃO DE ENERGIA

Artigos Assinados | Biomassa e Energia Renovável | 29.07.2021
Publicação
A crescente importância no mundo para o consumo
consciente estratégico dos recursos naturais, bem
como a sua interação com a valorização de resíduos
alavanca o aproveitamento de resíduos lignocelulósicos
sob o conceito da economia circular. O etanol celulósico
tem sido amplamente estudado e deverá ganhar parcelas de
mercado nos próximos anos, como um dos principais biocombustíveis
de segunda geração. O que diferencia a produção de etanol de
primeira geração e segunda geração – caso dos resíduos lignocelulósicos
– é que, no caso da segunda geração, ocorrem as etapas de
pré-tratamento, além da hidrólise da celulose antes da fermentação.
As oportunidades para o desenvolvimento de uma indústria de
etanol lignocelulósico e a produção de hidrogênio verde como insumo
para a produção de energia elétrica em células a combustível,
não parece uma alternativa tecnológica distante a pautar-se pelos
cenários da Agência Internacional de Energia (AIE).
A configurar um cenário de baixo carbono até 2030, conforme a
AIE, aí pode estar mais uma janela de oportunidade de mercado ao
setor de celulose e papel, através da produção de hidrogênio verde.
A demanda de hidrogênio irá passar de 90 milhões de toneladas em
2020 para mais de 200 milhões de toneladas em 2030, calcula o cenário
carbono zero traçado pela AIE. O estudo da AIE considera a
substituição do hidrogênio cinza, usado atualmente, feito a partir de
combustíveis fósseis pelo hidrogênio verde, produzido a partir da
eletrólise com energia renovável.

Leia mais no PDF
Anexos

PDF | 78 Kb

 

MAURO DONIZETI BERNI
PESQUISADOR DAS ÁREAS DE MEIO AMBIENTE E ENERGIA DO NÚCLEO INTERDICIPLINAR DE PLANEJAMENTO ENERGÉTICO (NIPE), DA UNIVERSIDADE DE CAMPINAS (UNICAMP-SP)
Esta publicação fala sobre
Para procurar por publicações similares, clique
nos temas acima ou nos textos listados ao lado.
Você também pode realizar uma pesquisa
no campo superior desta página.
Você pode ainda publicar seu comentário logo abaixo, assim como mandar sua sugestão por e-mail.


Participe, deixe abaixo os seus comentários.

Ajax Indicator
Ajax Indicator

Institucional

Conheça aqui a rede de comunicação da Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel.

Contato

A ABTCP espera sua mensagem, seja para anunciar, enviar sugestões ou tirar dúvidas sobre nossas publicações.

O Papel | ABTCP | Todos os direitos reservados 2009