Irani lança veículo de Corporate Venture Capital

Publicação
Irani lança veículo de Corporate Venture Capital para investir e acelerar startups 

Irani Ventures pretende formar um portfólio de 20 startups, com investimentos que podem chegar até R$ 1 milhão por startup; iniciativa reforça a estratégia de inovação aberta da companhia ao lado da abertura da 2ª edição do seu programa de conexão com startups 

Santa Catarina, agosto de 2021 - A Irani Papel e Embalagem, uma das principais indústrias de papel e papelão ondulado do Brasil, anuncia o lançamento da Irani Ventures, seu veículo de Corporate Venture Capital (CVC) para investimento e aceleração de startups que atuam em sinergia com o seu modelo de negócio. Nos próximos sete anos, a companhia irá formar um portifólio de até 20 startups com investimento inicial que pode chegar a até R$ 1 milhão por startup, além de oferecer um programa premiado de aceleração. 

Em parceria com a GROW+, gestora de investimentos e aceleradora de startups, as startups investidas pela Irani Ventures terão acesso ao Programa de Aceleração 10-WeekLabs™, onde passarão por um processo de imersão e alavancagem com capital intelectual, envolvendo suporte operacional, mentoria e networking, que auxiliarão no crescimento e desenvolvimento das atividades e do negócio das startups. 

Para Sérgio Ribas, diretor-presidente da Irani Papel e Embalagem, a Irani Ventures é um passo importante dentro da estratégia de inovação da companhia e uma evolução do Irani Labs - programa de inovação aberta que acaba de lançar a sua 2ª edição. "A Irani Ventures reforça a nossa atuação frente ao ecossistema de startups e nos permitirá encontrar novas soluções e produtos para o setor de papel e embalagem, que vive um momento histórico de crescimento. Queremos desenvolver negócios relevantes junto a startups inovadoras e oportunidades que possam ser aplicadas em nosso segmento e em nossa operação", comenta Ribas. 

A Irani Ventures irá identificar startups com alto potencial de inovação e transformação digital, nível elevado de maturidade e que dialoguem com o modelo de negócios da Irani, sempre tendo como premissa a sustentabilidade para potencializar a construção de novos negócios e alternativas futuras para o segmento. O projeto tem duração inicial de sete anos, sendo os quatro primeiros destinados a investimento e os três últimos ao desenvolvimento dos projetos. Ao longo deste período, a companhia realizará rodadas de investimentos visando a aceleração das startups eleitas. 

A GROW+ será responsável por todo o processo de seleção e aceleração das startups, acompanhando o desenvolvimento de cada empreendedor parceiro. "Acreditamos que, para crescer e se desenvolver, muitas startups precisam de uma parcela combinada de investimento financeiro e Smart-Money (capital inteligente), sendo exatamente esta variável que torna o CVC da Irani Ventures de alto valor agregado e atrativo para startups em estágio de crescimento", destaca Paulo Beck, Head da GP Ventures, braço de Investimentos da GROW+. 

2ª edição do Irani Labs está com inscrições abertas 

Para potencializar ainda mais à sua atuação junto ao ecossistema de startups, a Irani acaba de lançar a 2ª edição do Irani Labs - seu programa de inovação aberta que, a partir de agora, passa a ser uma porta de entrada para a Irani Ventures. 

Por meio do Irani Labs, a companhia irá selecionar até cinco startups - duas a mais do que na primeira edição. As vencedoras terão, portanto, a oportunidade de se tornarem parceiras da Irani ao testar e cocriar as soluções propostas nas unidades fabris da companhia, além de contar com um processo de contratualização simplificado (Fast Track) e a possibilidade de receber investimento via Irani Ventures. As inscrições vão até o dia 22 agosto e podem ser feitas por meio da página virtual www.irani.com.br/iranilabs. 

O programa tem como objetivo buscar soluções inovadoras e tecnológicas no mercado, contribuindo para que a empresa continue sua jornada de inovação, que já vem sendo traçada por meio da interação crescente com universidades, entidades de classe, órgãos governamentais, incubadoras de empresas, startups e fornecedores. 

Atualmente, a companhia conta com um amplo ecossistema de inovação dividido em quatro plataformas tecnológicas de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) - papel e celulose, papelão ondulado, área florestal e de resina, ambiental e energia -, além de iniciativas para o desenvolvimento de pesquisas aplicadas, projetos pilotos e cooperação técnica no Brasil e exterior. Todas essas ações estão estruturadas no Programa Inova da Irani, responsável pela gestão integrada da inovação na companhia por meio da promoção da cultura, geração de ideias, gestão de portfólio de inovação e desenvolvimento de projetos de inovação aberta. 

Sobre a Irani 

Fundada em 1941 e controlada desde 1994 pelo Grupo Habitasul, tradicional grupo empresarial da Região Sul do País, a Irani Papel e Embalagem é hoje uma das líderes do setor de embalagens de papelão ondulado no Brasil, além de ser referência no setor de papel para embalagens (rígidas e flexíveis). Com produção integrada, florestas próprias, energia autogerada e máquinas e equipamentos constantemente atualizados, a Irani produz papéis para embalagens, chapas e caixas de papelão ondulado, resinas de pinus, breu e terebintina, assegurando o fornecimento de produtos de matéria-prima renovável com alta qualidade e competitividade. A Irani possui 5 unidades produtivas: duas em Vargem Bonita (SC), uma em Santa Luzia (MG), uma em Indaiatuba (SP) e uma em Balneário Pinhal (RS), além de florestas em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, e escritórios em Porto Alegre (RS) e Joaçaba (SC). 

 

Esta publicação fala sobre
Para procurar por publicações similares, clique
nos temas acima ou nos textos listados ao lado.
Você também pode realizar uma pesquisa
no campo superior desta página.
Você pode ainda publicar seu comentário logo abaixo, assim como mandar sua sugestão por e-mail.


Participe, deixe abaixo os seus comentários.

Ajax Indicator
Ajax Indicator

Institucional

Conheça aqui a rede de comunicação da Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel.

Contato

A ABTCP espera sua mensagem, seja para anunciar, enviar sugestões ou tirar dúvidas sobre nossas publicações.

O Papel | ABTCP | Todos os direitos reservados 2009